Natal/RN - Brasil | Seja bem-vindo!

J. J. Eternamente Mecao

JA slide show

A esperança é a última que morre. Mas, morre!

O América caminha a passos largos para no ano do centenário disputar a Série-C do Brasileiro. Existe uma tendência muito forte para o rebixamento do América, e isso foi constatado mais uma vez na partida contra o Luverdense. Três jogadores sairam machucados, e alguém tem que dar uma explicação. Alfredo, Arthur Maia, e Arthur Henrique, foram os substituídos por contusão, e o América perde sua 15ª partida no brasileiro. As contusões parecem ser provocadas em função da mal preparação fisica. Com a palavra os preparadores físicos do clube rubro.

Passo das Emas: Luverdense 2x1 América-RN
Rubinho e Mizael, para o Luverdense; Jeferson, para o América-RN.
O América com: Fernando Henrique, Valber, Kleber, Roberto Dias e Artur Henrique (Thiago Cristhian); Marcio Passos, Thiago Dutra, Neto e Artur Maia (Jeferson); Rodrigo Pimpão e Alfredo(Isac).

O "Caixão" do Mecão infelizmente poderá ser fechado no sábado na partida diante do Sampaio Correia.

FIQUEM DE OLHO NO APITO!
Dia 11/10 | Arena das Dunas | 16:10h | América x Sampaio Correia.
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá/RJ.
Assistente 01: Lilian da Silva Fernandes Bruno/RJ.
Assistente 02: Francisco Pereira de Souza/RJ.
Quarto árbitro: Caio Max Augusto Vieira/RN.

A preocupação no América é vencer o Sampaio e o Bragantino.

Artur Maia, Artur Henrique, Alfredo e Kleber, foram as baixas da equipe na partida diante do Luverdense. Preocupação dos dirigentes, porque são quatro jogadores importantes no elenco. Alguém tem que explicar como aconteceu o fato de três jogadores jovens entre 20 e 22 anos, sentirem a mesma lesão em apenas 38 minutos de jogo. Tem alguma coisa errada, e a torcida quer saber!

PINGA FOGO!
O barato sai caro! Depois da saída de Adriano Pardal, o América, trouxe três jogadores, e juntando os três não dá 10% do que Pardal representava para a equipe. Geovane, esteve à disposição e não foi contratado; Pimentinha, foi para o Sampaio, e o América não trouxe o atleta. Por falar em Pimentinha, ele estará na Arena no sábado, e o treinador, Marcelo Martelotte, tem que ter muito cuidado com o Pimenta e o Heloir, que são os diferenciais do Sampaio  Correia.

ME CONTARAM!
Um comentarista de uma emissora da nossa cidade afirmou que, Ronaldo Mendes, que era reserva do Paraná ano passado, jogaria em qualquer clube do futebol brasileiro. Este rapaz quer fazer o torcedor de trouxa. Estou mandando recados para os seguintes meias: Cacá e Paulo Henrique Ganso, do São Paulo, Diego Tardele do Atlético Mineiro, Alex do Internacional, Everton Ribeiro do Cruzeiro, além de Dario Conca do Fluminense, Douglas do Vasco, Renato Augusto, e Elias do Corintinhans, Geovaneo do Santos, Everton do Flamengo, e Adrianinho da Ponte Preta. Fiquem de olho, pois, Ronaldo Mendes, está sendo observado por Dunga! Ano passado, Ronaldo Mendes, entrou no intervalo do Jogo América 4x1 Paraná, e fez o gol do Paraná em um rebote da zaga do América. Este atleta, era reserva no time paranista. Este comentarista é realmente uma b...

Alimento a esperança de milhares de torcedores rubros, mas lembro que, teremos que vencer o Sampaio em casa e o Bragantino Fora de casa, para poder iniciar uma saída da zona de rebaixamento, mesmo contra a vontade do árbitro, Ítalo Medeiros de Azevedo, e do assistente Luiz Carlos Camara Bezerra, que garfaram o Mecão no jogo diante do rival.

"Todo homem tem seu preço, e eu sei o preço de cada um". Dinarte de Medeiros Mariz.

Tem uma chamada no Rádio que me faz dar risada. O IBOPE, não faz pesquisa em Rádio AM em Natal desde de 1992, quando o programa Ronda da Cidade venceu a Patrulha, programa policial com mais de trinta anos de história. A publicidade é mentirosa, porque de 1992 até hoje não aconteceu mais qualquer pesquisa do Ibope em Rádio AM em nossa capital.

Eu não sabia que chegar embriagado no local de treinamento para as bandas de Ponta Negra, era desobedecer ordens do treinador na cobrança de uma falta! O jogador está treinando separado dos demais companheiros.

 

Parabéns, Padre Marcelo!

Parabéns ao Padre Marcelo Cesarino, que nesta terça-feira faz aniversário. Que Deus o proteja sempre, e de presente lhe dê uma grande vitória do América, nesta terça-feira contra a Luverdense.

 

América, vai tentar sua segunda vitória consecutiva

Jogadores rubros estão em Lucas de Rio Verde, onde enfrentam nesta terça-feira a Luverdense pela Série-B do Futebol Brasileiro. Marcelo Martelotte conta com 21 jogadores na delegação. Vamos conferir:
Goleiros: Fernando Henrique e Reinaldo
Zagueiros: Kleber, Roberto Dias e Edson Rocha
Laterais: Marcelinho, Valber, Thiago Cristhian e Artur Henrique
Volantes: Marcio Passos, Thiago Dutra, Fabio Braga, Val e Neto
Meias: Artur Maia e Jeferson
Atacantes: Rodrigo Pimpão, Paulinho, Isac e Alfredo.

ELES FORAM TITULARES
Edson Rocha, voltando de contusão, ainda sem o melhor de sua forma. Wanderson, nem relacionado está sendo por Marcelo Martelotte. Max, artilheiro do América na temporada, e o segundo maior artilheiro da história do clube nos últimos 30 anos, perdendo apenas para Helinho, na temporada 16 tentos marcados. No América, O Homem de Pedra, já marcou 47 gols, muitos dos quais decisivos.

FIQUEM DE OLHO NO APITO
Dia 07/10 | Estádio Passo das Emas | 21:50h | Luverdense x América-RN
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza/SP.
Assistente 01: Carlos Augusto Moreira Junior/SP.
Assistente 02: Anderson José de Moraes Coelho/SP.

O provavel time do América: Fernando Henrique, Marcelinho, Kleber, Roberto Dias e Artur Henrique; Marcio Passos, Thiago Dutra, Neto e Artur Maia; Rodrigo Pimpão, e Alfredo.

A MARACUTAIA DO STJD
Art. 214 do CBJD: Incluir na equipe, ou fazer constar da súmula ou documento equivalente, atleta em situação irregular para participar de partida, prova ou equivalente.
PENA: perda do número máximo de pontos atribuídos a uma vitória no regulamento da competição, independentemente do resultado da partida, prova ou equivalente, e multa de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais).

§ 1º Para os fins deste artigo, não serão computados os pontos eventualmente obtidos pelo infrator.

§ 2º O resultado da partida, prova ou equivalente será mantido, mas à entidade infratora não serão computados eventuais critérios de desempate que lhe beneficiem, constantes do regulamento da competição, como, entre outros, o registro da vitória ou de pontos marcados.

§3º A entidade de prática desportiva que ainda não tiver obtido pontos suficientes ficará com pontos negativos.

§4º Não sendo possível aplicar-se a regra prevista neste artigo em face da forma de disputa da competição, o infrator será excluído da competição.

Ora, vislumbrado tal artigo, sabe-se agora que bastará o atleta irregular estar relacionado para a partida que configurar-se-à em ato ilícito/infracional perante o CBJD e assim passível de punição.


Cheira mal o STJD. Tem maracutaia. Mais uma vez, lembro a frase do saudoso Senador Dinarte Mariz: "Todo homem tem seu preço, e eu sei o preço de cada um".

PINGA FOGO!
O soprador de apito, Ítalo Medeiros de Azevedo, continua aprontando. No jogo Brasiliense x Remo, deixou de marcar uma penalidade máxima clara contra o Brasiliense, além de não ter expulsado o jogador do time de Luiz Estevam, que atingiu de forma violenta um atleta do Remo. Será que, Luiz Estevam, passou no vestiário do árbitro? O jogo foi em Brasilia!

FALTA DE RESPEITO AO TORCEDOR
A Arena das Dunas, através de quem comanda o estádio, não tem qualquer respeito ao torcedor do América. No jogo do último sábado, imensas filas foram formadas com apenas dois portões abertos. É bom avisar aos dirigentes do complexo esportivo que, a trocida do América é a maior do estado, e a prova são os números. Deixaram de entrar no estádio, pelo menos três mil torcedores, já que ao ser encerrado o primeiro tempo do jogo, os torcedores que estavam ainda fora do estádio foram impedidos de entrar. Os portões foram fechados. As mulheres entraram, e a dificuldade da entrada dos torcedores com ingresso foram obrigados a ligar para as esposas ou namoradas, para que elas deixassem o Estádio. Falta organização do responsável pela Arena.